Clínica de Recuperação

O que é a dependência química? E como tratar?

Muito se fala sobre a adicção mas é uma pequena parcela da população que sabe realmente sobre esse tipo de doença, afinal, o que é a dependência química? E como tratar uma doença mental que atinge parte dos comportamentos individuais? Partindo dessa premissa, nós das Clínicas Viver Clin, vamos auxiliar você a compreender um pouco mais sobre uma doença perigosa e que tira a vida de milhões todo ano.

O vício por definição está relacionado a um aspecto negativo como por exemplo: deturpar-se, depravar-se, tornar pior, corrompido ou estragado. Deste modo, apesar do sentido da palavra já ser ruim, a dependência de algo é logaritmicamente pior.

Passar das fronteiras do vício para a dependência de algo é perigoso e certamente necessita de tratamento clínico. Como exemplo na novela “A Força do Querer” onde a personagem Silvana (Lilia Cabral) interpreta uma pessoa viciada em jogos. Aos poucos a personagem vai se deteriorando até chegar em um ponto onde quase todo o seu patrimônio é deixado nas mesas de jogos de azar.

Porém, nem sempre o vício está associado à negatividade. Por exemplo, existem pessoas que têm vício em exercícios. Em uma publicação da Telavita, sobre os limites do vício e do hábito, a associação está ligada aos impactos na vida da pessoa.

Contudo, a dependência química é bem diferente. Neste caso, as substâncias psicoativas independente de licitude, são os agentes em que o indivíduo passa literalmente a depender. Remédios, cigarro de tabaco, álcool, crack, cocaína, maconha, LSD, ecstasy, opioides e inalantes são alguns exemplos de substâncias que boa parte da população consome e ao mesmo tempo têm certo tipo de adicção.

Em resposta ao que é a dependência química e como tratá-la, estão os artigos publicados na página da OMS (Organização Mundial da Saúde). Desde 2001, a dependência em substâncias psicoativas foi considerada uma doença de cunho mental. Um transtorno da mente humana que influencia diretamente no comportamento do indivíduo e na tomada de decisões e que, ao mesmo tempo acarretam em prejuízos crônicos ao longo de sua evolução.

Por que as pessoas usam drogas ao ponto de se tornarem dependentes

Sair para beber, fumar um cigarro, cheirar cocaína, fumar um baseado e outros tipos de comportamento de fuga sobre certa realidade é a mais comum “plausível” justificativa do porque as pessoas usam drogas ao ponto de se tornarem dependentes. Saber o que é a dependência química e como tratá-la é uma importante forma de começar um tratamento eficaz.

O maior problema é uma questão simples, a tolerância. Começar a usar certos tipos de droga, mesmo como fuga, independe da tolerância que cada organismo possui. Desta forma, de modo a se adaptar às situações adversas, quimicamente o cérebro humano, desenvolve a tolerância à substâncias psicoativas.

A mesma “vibe” da droga consumida inicialmente não surte o mesmo efeito, e como forma de procurar a mesma sensação, o indivíduo aumenta as doses gradativamente, fazendo com que o mesmo se torne dependente químico. Assim, ultrapassar os limites do vício para a dependência, é pior e em certos casos, mortal.

Tarso Araújo em sua literatura “O Almanaque das Drogas” sugere um simples teste para saber se você é viciado, deste modo é possível saber se a pessoa está se tornando dependente progressivamente, veja as perguntas:

  1. Você está usando doses cada vez maiores da substância de escolha?

  2. Quando você não usa, você se sente fisicamente ou mentalmente mal?

  3. Perde o controle quando você usa a droga?

  4. Você tenta sem sucesso diminuir o uso, mas não obtém resultados?

  5. Gasta boa parte dos seus recursos financeiros com a droga de escolha?

  6. Você deixa de fazer atividades que são saudáveis por conta do uso?

  7. Você usa a substância mesmo sabendo dos seus riscos para a saúde?

Se a maioria das respostas foi “sim”, saiba que você é um adicto a substâncias psicoativas.

Estatísticas da dependência química no Brasil

Já que se compreende o que é a dependência química, então como tratar realmente desse tipo de comorbidade? As estatísticas da dependência química no Brasil, sugerem que a maioria da população que sofre de comorbidades associadas ao vício estão relacionadas com as drogas lícitas como cigarro de tabaco e o álcool. Além disso, segundo a Fiocruz, a maconha é a droga ilícita mais consumida, com 7,7% por cento dos brasileiros consumindo a substância. Seguido posteriormente da cocaína em pó com seus 3,1% dos usuários.

O crack está com 1,4 milhão de usuários no país, sendo que 1,4% destes são homens e 0,4% são uma parcela do sexo feminino. Conjuntamente esta, é a droga que mais atinge os usuários, fazendo com que a deturpação e a degradação social seja elevada.

Clínicas Viver Clin estão recuperando pacientes dependentes químicos e alcoólicos

Ao ser diagnosticado como dependente químico, é importante ressaltar que as Clínicas Viver Clin estão recuperando pacientes dependentes químicos e alcoólicos. Fazer o tratamento dentro de uma instituição é uma oportunidade única para quem realmente necessita de tratamento.

Compreender sobre o que é a dependência química e como tratar, antecipadamente, é algo eficaz para se dar o primeiro passo como recurso terapêutico.

Familiares que conhecem a doença e sabem do seu perigo, procuram as instituições de recuperação antecipadamente, estancando o processo evolutivo natural da mesma. Sendo assim, ter o devido conhecimento auxilia muitas vezes na questão do tratamento premeditado.

Tratamento comportamental para dependência química

Como citamos anteriormente, nós das Clínicas Viver Clin, temos o aparato necessário para o tratamento comportamental para a dependência química e consequentemente apoio terapêutico total. Livrar-se das drogas é difícil, porém, não é impossível. Basta dar o primeiro passo.

Com uma equipe de psicólogos, psiquiatras, enfermeiros e terapeutas, nós conseguimos reestruturar a rotina dos dependentes e compreender os meios que os levam a consumir as substâncias psicoativas. Assim, o tratamento se torna eficiente e eficaz.

Agora que você já sabe o que é a dependência química e como tratar a mesma, faça a sua parte, entre em contato conosco e busque ajuda. Fique tranquilo, somos referência no apoio aos dependentes químicos e seus familiares.

Renan Rugolo Re

Postagens recentes

Entenda o que acontece com o seu corpo quando você usa drogas

Entenda o que acontece com o seu corpo quando você usa drogas. Os prejuízos ao…

10 meses atrás

Qual melhor clínica de recuperação química na região de Limeira?

Qual melhor clínica de recuperação química em Limeira? Esse é um trabalho para as Clínicas…

10 meses atrás

Alcoolismo mata?

O consumo de bebidas alcoólicas entre os anos de 2013 a 2015 foi responsável em…

11 meses atrás