Quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico?

O que a maioria das pessoas não sabem é que quando elas usam drogas, além do efeito que as mesmas causam no cérebro, o período em que permanecem no organismo podem variar, com isso as Clínicas Viver Clin fornece para seus leitores as informação sobre o quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico conforme o tipo de substância psicoativa.

Na atualidade existem diversos tipos de drogas e que atuam em diferentes áreas do cérebro. Independentemente da sua licitude, as mesmas podem acelerar, deprimir ou perturbar as sinapses dos neurotransmissores de forma a fazer com que o indivíduo apresenta diferentes tipos de comportamentos e ações. Além disso, dependendo da sua característica, algumas podem ter altas taxas de dependência.

Contudo, quando alguém começa a usar drogas, normalmente o processo de vício e consequentemente evolução para um quadro de dependência química, não é rápido. Mas há pessoas que têm como substância de escolha as drogas estimulantes como a cocaína e o crack, onde a compulsão é praticamente inevitável.

Uma publicação sobre o Drugs.ie relata que as pessoas usam drogas por diferentes razões como: curiosidade, fuga dos problemas cotidianos, socialização em meio a certos grupos, culturalmente entre outros.

Outra publicação da Pepsic com relação às taxas de uso de drogas apresenta que 77,6% dos casos de uso recreativo das mesmas por parte dos adolescentes está associado ao “porque os amigos usam” ; 63,4% para não serem chamados de caretas; 82,1% por revolta; 85,8% para fugir da realidade; 87,3% por curiosidade; 67,9% porque gostam; 36,6% porque não tem esperanças de um futuro legal; 91,8% para fugir ou esquecer dos problemas.

Isso é um sinal vermelho quando se pensa sobre a inserção das drogas na sociedade atual, já que as mesmas começam a ser consumidas em uma das fases mais importantes da maturação do cérebro, a adolescência.

O tempo de desintoxicação do dependente químico conforme o tipo de substância psicoativa

Perder a mão, ou o controle sobre o consumo das drogas é comum em um quadro de dependência química, por isso a internação é importante e conjuntamente o tempo de desintoxicação do dependente químico conforme o tipo de substância psicoativa de escolha pode variar.

Familiares sempre indagam as instituições sobre o quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico e conjuntamente qual é o período que o mesmo deve estar internado. A resposta pode variar conforme a substância escolhida, o apego entre o dependente e a mesma, a quantidade de uso, o metabolismo e outros.

No caso das drogas estimulantes como a nicotina, cocaína e crack, o tempo de desintoxicação é rápido, porém doloroso. Varia em torno de 3 à 4 dias nos exames de urina e até 90 dias nas amostras de cabelos e pelos. Como essas drogas agem no córtex pré-frontal do cérebro, ou sistema de recompensa, ao fazer o uso o dependente literalmente sente um orgasmo. Já que o cérebro se inunda de dopamina, trazendo a sensação de prazer instantânea.

As drogas perturbadoras como a maconha por exemplo, mesmo com uma taxa de dependência baixa em torno de 10% de usuários assíduos da substância, infelizmente o tempo de desintoxicação é elevado. Já que nos exames de sangue é possível identificar entre 7 a 13 dias, e dependendo da taxa de metabolismo, o THC da cannabis sativa pode permanecer no organismo entre 90 a 180 dias. (Fonte: Exame Toxicológico)

Já nos casos de alcoolismo agudo, por se tratar de uma droga depressora do Sistema Nervoso Central, o álcool tem uma das taxas de desintoxicação mais rápidas. Em torno de 8 à 12 horas dependendo do caso e do metabolismo do indivíduo. Contudo, quanto mais a substância é eliminada do organismo, o mesmo tende a voltar ao ritmo convencional. Acelerando o SNC, fazendo com que tremores, falta de coordenação e outros sintomas apareçam.

É necessário estar internado para se desintoxicar efetivamente

Além do fator de quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico, a alteração química do cérebro e com comportamentos alterados, vale ressaltar que é necessário estar internado para se desintoxicar efetivamente. Justamente porque em alguns casos, a fissura ou vontade incontrolável de consumo podem influenciar nas taxas de recaídas por parte de pacientes.

O perfil de usuários de crack em uma pesquisa apresentada pela Scielo pelos pesquisadores Cristian Fabiano Guimarães, Daniela Vender Vieira dos Santos, Rodrigo Cavalari de Freitas e Renata Brasil Araújo, teve como resultado que 80% dos indivíduos em estudo já tentaram parar de fumar crack por conta própria. Destes, 60% fizeram um tipo de tratamento para interromper o uso da substância, e 43,3% seguiram para abordagem terapêutica dentro de instituições.

Tanto o crack como a cocaína, drogas com altas taxas de dependência, são substâncias que na maioria dos casos de uso abusivo, fazem com que os familiares dos usuários recorram ao processo de institucionalização do paciente. No caso do alcoolismo ou tabagismo, por se tratar de substâncias lícitas e de fácil acesso, também é comum que famílias façam o processo de internação em comunidades terapêuticas, e em casos onde há comorbidades dos usuários, hospitais psiquiátricos.

Clínicas Viver Clin como alternativa para reabilitar dependentes químicos

A abordagem dos aspectos como o tempo de desintoxicação do dependente químico conforme o tipo de substância psicoativa, além da real necessidade de estar internado para se desintoxicar efetivamente, as Clínicas Viver Clin são uma alternativa para reabilitar dependentes químicos.

Ao iniciar o tratamento, não se deve levar apenas em conta o quanto tempo leva para desintoxicar um dependente químico, mas sim a recuperação como um todo. Esse tempo vale de paciente para paciente, onde são analisados diversos aspectos clínicos.

A recuperação física, mental e comportamental são imprescindíveis ao longo da jornada de internação e as Clínicas Viver Clin estão preocupadas justamente com esse aspecto. É indispensável que o paciente aprenda a lidar com suas emoções, sentimentos de frustração e angústias de maneira saudável. Sem cair nas tentações do uso da substância psicoativa. Por fim, venha conhecer nosso espaço e ajude quem realmente precisa de uma segunda chance na vida.

Renan Rugolo Re

Postagens recentes

Entenda o que acontece com o seu corpo quando você usa drogas

Entenda o que acontece com o seu corpo quando você usa drogas. Os prejuízos ao…

10 meses atrás

Qual melhor clínica de recuperação química na região de Limeira?

Qual melhor clínica de recuperação química em Limeira? Esse é um trabalho para as Clínicas…

10 meses atrás

Alcoolismo mata?

O consumo de bebidas alcoólicas entre os anos de 2013 a 2015 foi responsável em…

11 meses atrás